12 de jan de 2012

Cristã somali é açoitada em público

Uma cristã somali, ex-muçulmana, foi levada para uma via pública, onde foi açoitada como punição por ela acreditar em uma “religião estrangeira”, o cristianismo, e deixar o Islã, segundo informações das fontes.
Sofia Osman, uma cristã de 28 anos de idade, que mora na região de Shabelle, tinha sido levada sob custódia por extremistas islâmicos do grupo Al Shabbab, e quando foi libertada foi açoitada em público.
Ela recebeu a punição de 40 chibatadas no dia 22 de dezembro, enquanto a multidão de espectadores apoiava o castigo que Sofia estava recebendo.
“Sofia foi chicoteada durante 3 horas, mas ela não disse para nós depois quais foram  outras humilhações ela passou enquanto esteve presa”, disseram amigos da vítima. Uma testemunha ocular disse ao Compass que a punição fez com que Sofia sangrasse muito e perdesse a consciência.
A punição foi realizada na frente de centenas de espectadores logo após Sofia ter sido libertada, após ela permanecer presa por um mês nos campos-prisões do Al Shabbab.
“Após ser solta e receber a punição, ela estava sendo tratada em sua própria casa pelos seus familiares. Ela não estava conseguindo conversar com ninguém e parecia muito confusa”, disse uma fonte próxima da família. “Por favor, orem para que a sua recuperação seja rápida”, disse a fonte.
Sofia é cristã há mais de 4 anos e era membro de uma igreja subterrânea que fica em uma cidade que foi devastada por uma das guerras que ocorreram na Somália. A região também é muito dominada pelo maior  grupo extremista islâmico do país, o Al Shabbab.
FonteCompass Direct
TraduçãoLucas Gregório 

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...